A 11 meses da conclusão do PROMAR, a taxa de execução do programa operacional fica-se pelos 65%

Segundo dados de Janeiro de 2015, a taxa de execução do PROMAR é de apenas 65,7%, a 11 meses da conclusão do programa. A taxa de compromissos é de 114,4%, superior a 100%, para se garantir a conclusão do programa.

Tanto o eixo 4, de desenvolvimento sustentável das zonas de pesca, como o eixo 5, de assistência técnica, do PROMAR estão em vias de não ser completados, com taxas de execução nos 43,2% e 40,3%, respectivamente. Para este dois eixos, a taxa de compromissos, ou seja, os compromissos financeiros assumidos pelo PROMAR em relação às disponibilidades financeiras do PROMAR, não chegam aos 100%, ficando-se pelos 98,3% para o eixo 4 e pelos 89,1% para o eixo 5.

Até final de Janeiro, 2820 projectos foram concluídos no âmbito do PROMAR, sendo que a grande maioria diz respeito ao eixo 1 (1988 projectos). A DGRM terá até ao final de 2015 para concluir o PROMAR.



Um comentário em “Portugal em risco de perder fundos do PROMAR”

  1. Ricardo maio diz:

    Quero financiamento para comprar barco de pesca,como posso fazer?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill