A partir desta semana pode ser pescado no Mediterrâneo e no Atlântico, com mais 20% da quota em comparação ao ano passado

A Comissão Europeia autorizou esta quota depois de ter confirmado um crescimento da população do atum. Até 24 de Junho, os cercadores com rede de cerco são autorizados a pescar, com indicações para 9372 toneladas, 910 navios e 12 armadilhas.

Participam nesta pescaria navios de oito Estados-membros da UE: Espanha, França (estes dois, com a maior quota), Portugal, Itália, Grécia, Malta, Chipre e Croácia. Os navios que capturam os peixes vivos para fins de criação vão partilhar 61% da quota total da UE.

O ICAAT, face aos dados de crescimento, tenciona  aumentar a quota anual de pesca para as 16.142 toneladas em 2015, as 19.296 toneladas em 2016, e as 23.155 toneladas em 2017. 80% das capturas estão planeadas para serem exportadas para o Japão.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill