Limites geográficos de zona de risco de pirataria foram alterados

O Baltic and International Maritime Council (BIMCO), uma das maiores organizações internacionais de navegação, emitiu recentemente uma comunicação reduzindo a dimensão da Área de Alto Risco de pirataria no Oceano Índico. A medida, com efeito a partir de 1 de Dezembro, alterou dos 78 para os 65 graus Leste e dos 10 para os 5 graus sul os limites da área em questão.

Embora tenha sido tomada na sequência da diminuição de ataques na zona e considerado a experiência recente dos operadores naquela área e consultas efectuadas a Governos, designadamente através do Grupo de Contacto sobre a Pirataria na Costa da Somália, e a entidades militares, incluindo a NATO e a EUNAVFOR, a medida pode motivar novamente os piratas se estes estiverem convencidos de que tal significa uma segurança menos empenhada, recordam vários membros do sector da navegação, que apelaram de imediato à manutenção de vigilância adequada.

De acordo com o Shipping Herald, na sequência da medida, Peter Sand, analista chefe da BIMCO, adiantou que a iniciativa devia reflectir-se antes de mais no custo dos seguros a pagar pelos operadores. Depois disso, caberá ao mercado definir o ritmo a que esta redução se possa reflectir nos clientes. Outra fonte do sector entende que o impacto da medida é meramente teórico porque não havendo grandes assaltos na zona desde há três anos, as alterações de preços não serão mais do que ajustamentos naturais às circunstâncias. No entanto, de acordo com um agente de navegação, a medida terá certamente efeito nas tarifas de fretes para costa ocidental indiana.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill