Pode abrir a Passagem do Nordeste, no Árctico, ainda este mês
Matt Pine
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Após ter ocorrido o Inverno mais quente de sempre, prepara-se para ser aberta, este mês de Setembro, a Passagem do Nordeste do lado canadiano, e depois de já em Agosto um navio da Cosco e outro da Maersk terem cruzado a Rota do Árctico, do lado russo.

 

Segundo informações divulgadas recentemente pelo Centro norte-americano de Dados sobre a Neve e o Gelo, a extensão de gelo no Árctico caiu para 5,61 milhões de quilómetros quadrados, 1,59 milhões de quilómetros quadrados abaixo da média registada entre 1981 e 2010. Pelo que, Agosto deste ano foi o sétimo mais quente desde que existem estes recordes e o mais elevado desde 2014.

 

Esta extensão de gelo manteve-se baixa ao longo dos mares costeiros do Árctico, à excepção do Mar da Sibéria Oriental, onde não se registaram tais valores. Assim, a Weathernews avança que “este ano, o transporte de gás natural liquefeito produzido no Oceano Árctico ganhará impulso, assim como as passagens regulares pelo local”.

 

Nesse sentido, as baixas concentrações de gelo persistem nos mares a norte de Beaufort e Laptev, áreas que podem recuar ainda mais a norte antes do fim da estação.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Da Cartografia na Antiguidade até à Cartografia Portuguesa

    Novembro 16 @ 15:00 - 17:30
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill