Após uma interrupção para não prejudicar a época balnear, a Docapesca retomou os trabalhos de recuperação da doca de recreio de Faro. Custam 93 mil euros e devem estar concluídos no final de Janeiro
Docapesca
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A Docapesca retomou os trabalhos de reabilitação e revestimento da muralha da doca de recreio de Faro, após uma interrupção para minimizar o seu impacto no período estival e a conclusão da primeira fase da intervenção (reposição das condições anteriores à abertura de uma fissura na muralha de suporte), em 30 Junho.

A segunda fase, que arrancou no dia 25 de Setembro, está orçada em 93 mil euros e tem conclusão prevista para o final de Janeiro do próximo ano, quando se dará por terminada toda a intervenção de recuperação da muralha.

Esta fase “abrange a remoção das pedras de revestimento da muralha, com o comprimento total de 260 metros, e a execução de um novo revestimento em betão reforçado com fibras estruturais, com a estereotomia do revestimento existente”, a realizar “à maré com recurso a plataforma elevatória do tipo bailéu”, esclarece a Docapesca.

 



2 comentários em “Docapesca retoma reabilitação da muralha da doca de recreio de Faro”

  1. J Fonseca Pascoal diz:

    Continuo sem perceber o que a Docapesca faz nas marinas! E porquê? E porque sim nuns lados e não noutros? E as Câmaras? Umas vezes sim, outras não?….
    Expliquem se puderem, p.f.

  2. Daniel Martins Leal diz:

    Com certeza querem dizer reabilitação de um cantinho da muralha e, porque caíu…. Felizmente não arrastou ninguém com ele. Os arranjos pobres que têm sido feitos não cobrem 95% da muralha do porto toda ela num estado deplorável. Quase consigo adivinhar que o próximo “arrranjo”, será num dos cantos da escadaria da muralha, practicamente a despencar nesta altura…. Espero também que não tenha de arrastar ninguém com ele… Quem não acreditar, que venha e olhe. Está tudo à vista e bem claro !

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill