Governo admite que exploração de gás e petróleo no Algarve e Alentejo não põe risco recursos naturais
Eni
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O Ministro do Ambiente, José Pedro Matos Fernandes, recebeu representantes do Movimento Futuro Limpo, que se opõe à “concessão de direitos de prospecção, pesquisa, exploração e produção de petróleo e gás em território nacional (onshore e offshore)”, conforme se refere no seu site.

A reunião foi solicitada pelo Movimento, de acordo com a RTP. Em declarações à estação televisiva, António-Pedro Vasconcelos, um dos representantes do Movimento, admitiu que a organização pondera interpor uma providência cautelar para suspender a vigência dos contratos assumidos pelo Estado português nesse domínio.

“Mas a providência cautelar tem que ser acompanhada por uma acção principal”, referiu o cineasta, acrescentando que o Movimento aguarda a decisão relativamente à providência cautelar já interposta no mesmo sentido pelos autarcas do Algarve.

De acordo com a RTP, para o Ministério do Ambiente, a exploração de petróleo e gás no Alentejo e Algarve não coloca em causa os recursos naturais. Igualmente segundo a estação, o Ministério do Ambiente considera que os acordos existentes nessa matéria são uma herança do Governo anterior.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill