A aquisição faz-se juntamente com os fundos PFR, que adquirirá 30%, e GIF, que adquirirá outros 30%, num negócio que valerá no total 1,3 mil milhões de dólares
PSA International

A PSA International, juntamente com o Polish Development Fund (PFR) e o IFM Global Infrastructure Fund (GIF) vão adquirir o Deepwater Terminal Container Gdansk (DCT Gdansk), o maior terminal de contentores da Polónia, à Macquarie Infrastructure and Real Assets, (MIRA), à MTAA Super, à AustralianSuper e à Statewide Super. De acordo com a Reuters, a venda será feita por 1,14 mil milhões de euros (1,3 mil milhões de dólares).

Também de acordo com a Reuters, que cita um alto responsável do PFR, o GIF e o PFR adquirirão 30% cada um e a PSA International os restantes 40%. O mesmo responsável adiantou à Reuters que o consórcio comprador trabalhou com oito Bancos para financiar a operação.

Em comunicado, as partes do negócio lembram que o DCT Gdansk está estrategicamente localizado no cruzamento das rotas comerciais do Báltico e é uma importante ligação aos mercados da Polónia e da Europa Oriental e Central. Além disso, segundo referem, é o terminal de contentores com mais rápido crescimento da Europa e situa-se no porto de Gdansk, um dos 15 maiores portos de contentores da Europa.

A sua construção começou em 2005 e nos 13 anos seguintes conheceu uma grande transformação. Na sequência de um investimento significativo, em 2016 duplicou a sua capacidade graças à conclusão de um segundo cais. E em 2018, a sua capacidade anual era para 1,9 milhões de TEU. Hoje, o DCT Gdansk tem um cais com 1.306 metros de extensão e 17 metros de profundidade.

Trata-se do primeiro investimento da PSA International da Europa Oriental e do único terminal do Báltico que pode servir os grandes Ultra Large Container Vessels (ULCVs), com capacidades até 23 mil TEU, constituindo uma alternativa a outros portos do norte da Europa, mantendo ligações à Ásia durante todo o ano.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill