Produto já representa 25% dos passageiros transportados
porto santo

Sérgio Gonçalves, administrador executivo da Porto Santo Line, proprietária do navio Lobo Marinho, revelou que a empresa pretende apostar (ainda mais) nos cruzeiros de um dia entre as ilhas da Madeira e do Porto Santo.

A notícia foi revelada num encontro com jornalistas e operadores realizado a bordo do Lobo Marinho. A embarcação esteve atracado em Santa Apolónia após se ter deslocado à capital para realizar efectuar manutenção. Para o executivo este produto (cruzeiros de um dia) tem um grande potencial de crescimento. Isto porque, em 2015, o Lobo Marinho transportou entre 35 a 40 mil pessoas num universo de um milhão de turistas que se deslocaram à Madeira.

lobo marinho 1

Sérgio Gonçalves, administrador executivo da Porto Santo Line

Tudo mudou com a compra do Lobo Marinho. O navio consegue fazer a travessia entre ilhas em apenas 2h15 o que permitiu a criação deste produto. A empresa agora tem como objectivo não só dinamizar os cruzeiros de um dia como criar pacotes que incluam outros serviços/actividades. É o caso de passeios de bicicleta, almoço, excursão à ilha ou tacadas de golfe. Outra hipótese é a disponibilização de pacotes combinados que incluam estadia na Madeira e em Porto Santo.

A viagem entre as ilhas é feita diariamente (excepto às sextas-feiras) e está disponível durante todo o ano. O bilhete (ida e volta) custa 46,94 euros durante o período de Inverno e 57,4 euros na época balnear (de Abril a Setembro). Em caso de necessidade, no pico do Verão, o Lobo Marinho pode fazer até duas ligações por dia.

Apesar de o negócio estar a crescer e da expectativa ser grande Sérgio Gonçalves revelou que a Porto Santo Line não equaciona, para já, a aquisição de novas embarcações.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill