«Itinerário da mente para Portugal», poderia ser também o título da Conferência que o Jornal da Economia do Mar irá ter a subida honra de realizar na próxima Terça-feira, pelas 17h 30m, na Sociedade Histórica de independência Nacional, para marcar não só o início de um Novo Ano mas _ espera-se _ também um Novo Ciclo do Jornal e importância da consciência marítima que importa que Portugal tenha.


Um comentário em “Conferência do Jornal da Economia do Mar na Sociedade Histórica da Independência de Portugal”

  1. Artur+Manuel+Pires diz:

    Gonçalo, quero manifestar-lhe o meu agradecimento pela sua excelente conferência – a que desafortunadamente apenas pude assistir através da gravação – ou seja, mais uma das suas ofertas desinteressadas de saber feito.
    Se tudo aquilo teve a ver com o mar?. Se teve a ver com a economia do mar?. Claro que teve. Teve a ver com cultura, que sua vez tem a ver com tudo. Até com o mar.
    Apenas não lhe perdoo o esquecimento de Tólstoi (até porque sei que não foi por distração), mas isso fica conversarmos mais tarde.
    Por agora, ficam os parabéns pela sua apresentação, e os votos de que a mesma tenha constituído uma nova reentrada do Jornal da Economia do Mar, algo a quem os assuntos do mar tanto devem.
    Com um abraço, Artur

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill