A Fórum Oceano esteve presente na NAUTICAMPO 2016 participando em dois painéis do programa de conferências.
marítimo

No dia 6 de abril, o Diretor António José Correia esteve presente na sessão “Conversas em Rede: Náutica de recreio – Cenários de Desenvolvimento”, organizado pela Docapesca, Portos e Lotas, S.A.. No dia 7 de abril, o Secretário-geral, Rui Azevedo, esteve presente no Disputatio “Que Marítimo-Turísticas Queremos”, organizado pelo Jornal da Economia do Mar.

No dia 6 foi apresentado o estudo “Impacto Económico e Turístico de Cenários de Desenvolvimento nas Marinas e Portos de Recreio na Área de Jurisdição da Docapesca”, realizado pela Universidade do Algarve. No painel de debate o Diretor da Fórum Oceano comentou as linhas gerais do estudo, referindo que, no geral, as conclusões e necessidades identificadas vão de encontro ao já identificado no projeto Portugal Náutico. Foi também sublinhada a intenção de, na medida do possível, incorporar todas as ações identificadas nas atividades a desenvolver pelo “Grupo Dinamizador do Portugal Náutico”, que a Fórum Oceano estimula, para o desenvolvimento e promoção da atividade náutica em Portugal e a nível internacional.

No dia 7 identificaram-se um conjunto de questões/problemas que se colocam no setor da atividade marítimo-turística, nomeadamente a falta de legislação específica e o excesso de burocracia. O Secretário-geral da Fórum Oceano referiu a importância da articulação e colaboração entre os vários atores do turismo náutico, condição necessária para a diversificação e valorização de produtos turísticos integrados e para a sua promoção internacional.

//saiba mais



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill