WEC Lines cria novo serviço com ligação de Setúbal a Liverpool

“O futuro logístico e portuário de Lisboa e Setúbal também passa pelo porto de Setúbal”, afirmou ontem Victor Caldeirinha, presidente do Conselho de Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra (APSS), durante o VI Seminário Plataforma Logísticas Ibéricos, organizado entre a APSS e a AICEP Global Parques. Numa afirmação que assumiu ser polémica, o mesmo responsável adiantou que “devemos manter a autonomia estratégica dos portos” e, no caso de Setúbal, admitiu não temer “a concorrência de outros portos”.

No mesmo evento, Fátima Évora, também da APSS, anunciou que a partir de Fevereiro, a WEC Lines, que já tem duas linhas a operar no porto de Setúbal – para Marrocos e o Norte da Europa -, terá uma nova linha, a NWC/SPM 2, directamente de e para Liverpool, com escala semanal. De acordo com a APSS, o novo serviço “encurta as distâncias com a Irlanda, Escócia e outros destinos no Reino Unido”, e vai juntar-se à cobertura dos portos britânicos de Felixstowe e Tlbury, num total de três saídas semanais.

A mesma responsável admitiu também que existe o objectivo de tornar o porto de Setúbal numa “gateway, porta de entrada e saída das exportações da zona sul de Lisboa, a longo prazo, com alargamento do hinterland”. Nesse sentido destacou quatro projectos.

Um deles é a ampliação do terminal ro-ro para jusante, que está a poucos dias de ficar concluída. Isto permitirá que Setúbal se torne “num cross trade intercontinental”, através das rotas para África, Ásia e Mediterrâneo. Outro é a expansão em dois ou três quilómetros dos terminais portuários. Um terceiro é o projecto Blueatlantic, da Sapec, e o último é o do melhoramento dos acessos marítimos. Relativamente a este, decorrem estudos técnicos e de impacto ambiental e em breve será emitida a Declaração de Impacto Ambiental pela Agência Portuguesa para o Ambiente, após o que se procederá às dragagens.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill