Como esperado, a Comissão Europeia impôs hoje fortes restrições à pesca pelágica de arrasto de robalo para protecção dos respectivos stocks

 

 

A Comissão Europeia confirmou hoje, como esperado, as medidas de protecção do robalo, interditando a pesca pelágica por arrasto de robalo até ao termo do período da desova, ou seja, até final de Abril, uma vez este tipo de pesca ser responsável por uma redução de cerca de 25% nos valores dos stocks quando realiza neste mesmo período de desova.

A interdição entra imediatamente em vigor para o Canal da Mancha, Mar da Escócia, Mar da Irlanda e Sul do Mar do Norte, mantendo-se em vigor, como referido, até 30 de Abril.

A par destas medidas, outras estão igualmente a ser estudadas para mitigar aquela que é apontada como um dos mais graves decrescimentos na capacidade de reprodução do robalo nas áreas apontadas, considerando-se mesmo estar próximo, nada sendo feito, de assumir proporções catastróficas e talvez até mesmo irreversíveis.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill