Portugal está representado por 16 empresas
Seafood Expo Global
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A ALIF – Associação da Indústria Alimentar pelo Frio vai representar Portugal na 25ª edição da Seafood Expo Global, uma das principais feiras internacionais de produtos de pesca, que decorre em Bruxelas, de 26 a 28 de Abril.

Segundo apurámos, a representação portuguesa incluirá 16 empresas do sector, incluindo os segmentos de frescos, congelados e bacalhau: Brasmar, Coelho & Dias, Docapesca, Frijobel, Gelpeixe, Grupo FRIP, Ilhapeixe, Lotaçor, L.Fish, Lurdes Narciso, Mar Ibérico, Nigel, Riberalves, Rui Costa e Sousa & Irmão, Soguima e Testas & Cunhas.

Apurámos igualmente que a presença da ALIF neste certame representa um investimento estimado de 307.388,41 euros, dos quais 40% (102.537,15 euros) assumidos pela associação e 60% (256.352,85 euros) comparticipados pelo programa MAR 2020.

A comparticipação do MAR 2020 decorre de um projecto global avaliado em 725.399,11 euros no âmbito deste programa, destinado à Participação em Feiras Internacionais 2016/2017, na Alimentaria 2017 e Ocean Business Week 2016/2017. O projecto implica a comparticipação do MAR 2020 em 60% das despesas na participação dos eventos (435.239,47 euros), ficando 40% (290.159,64 euros) a cargo da ALIF.

No site da organização da Seafood Expo Global refere-se que o evento conta com mais de 1.700 empresas em exposição, provenientes de 79 países, distribuídas por uma área de 38.350 metros quadrados. A Costa Rica, Chipre, Myanmar, Roménia e Venezuela participam pela primeira vez.

Participante no certame desde 2001, a ALIF informa que a fileira do pescado “tem um impacto total no Produto Interno Bruto (PIB) português superior a 2,5 mil milhões de euros e emprega mais de 90.000 pessoas, apresentando-se como um dos principais motores de desenvolvimento da economia nacional”.

A associação recorda que “em 2015, as exportações de produtos da pesca atingiram os 1.031,0 milhões de euros” (mais 12,2% relativamente a 2014). AALIF recorda ainda que “considerando o valor exportado de produtos da pesca em 2015, destacaram-se os peixes congelados, que, pela primeira vez, foram o principal grupo de produtos exportado (peso de 19,4%, +0,4 p.p face a 2014), seguindo-se os moluscos (peso de 19,2%, +1,1 p.p face a 2014), que registaram o segundo maior acréscimo das exportações em valor face ao ano anterior (+31,7 milhões de euros, correspondendo a +19,1%)”.



Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Exposição: Convento das Trinas – Anos 40-Hoje

    Abril 18 @ 10:00 - Maio 5 @ 17:00
  2. Workshop – Profissões de Mar no Feminino

    Abril 27 @ 14:00 - 18:00
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill