APTMCD passa a acolher transporte marítimo fluvial, cabotagem nacional e outros modos complementares de transporte

A Agência Portuguesa de Transporte Marítimo de Curta Distância (APTMCD) aprovou hoje em Assembleia Geral uma alteração aos estatutos que contempla o alargamento do seu objecto à cabotagem nacional e ao transporte fluvial e potencia a complementaridade do transporte marítimo de curta distância com outros modos de transporte.

Ficou igualmente prevista nos estatutos da agência a criação da marca Short Sea Portugal, que deverá ser registada até ao final deste ano. O objectivo desta medida é promover a internacionalização da agência, designadamente no contexto europeu. Com esta medida, a agência poderá passar a ser designada por Agência Short Sea Portugal.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill