A empresa sedeada em Singapura adquire terminais à Macquarie
Balochistão
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A PSA International chegou a acordo com a Macquarie Infrastructure Partners, um fundo gerido pela Macquarie Infrastructure and Real Assets (MIRA) para a aquisição das concessões da Halterm Container Terminal no porto canadiano de Halifax, e dos terminais multipurpose da Penn Terminals, na Pensilvânia, nos Estados Unidos.

Com estas aquisições, sobre as quais não foram adiantados detalhes financeiros e ainda dependentes das autoridades regulatórias norte-americanas e canadianas, a PSA International reforça a sua presença no mercado da América do Norte. No caso do Canadá, segue-se aos investimentos para adquirir 60% da Ashcroft Terminal, uma instalação portuária interior, em Julho de 2018.

Entretanto, a PSA International divulgou os seus resultados de movimentos de carga relativos a 2018 no Sudeste Asiático, Nordeste Asiático, Médio Oriente, Ásia do Sul, Europa/Mediterrâneo e Américas. Na Europa, a empresa destaca, entre outros, o movimento de 1,8 milhões de TEU no porto de Sines, que representou um novo recorde, e a presença do Madrid Maersk, com capacidade para 20.568 TEU, em Agosto, no terminal de contentores do mesmo porto, onde foi o maior navio de sempre a atracar.

Ainda na Europa, a PSA International também destacou o seu desempenho no porto de Antuérpia, na Bélgica, onde o terminal MSC PSA European Terminal registou um novo recorde de crescimento (7%). O crescimento de 8,2% do Mersin International Port, na Turquia, que representou um novo recorde, e o desempenho da Italian PSA Voltri-Pra, com 21 novas gruas eléctricas, também foi importante.

Nas Américas, de que falámos acima, além da participação de 60% na Ashcroft Terminal, a PSA International destaca o crescimento do Exolgan Container Terminal, na Argentina, que registou um aumento de 24% no movimento de contentores e terá um novo armazém concluído este ano. E destaca ainda o desempenho do PSA Panama International Terminal, envolvido numa expansão e que acolheu a MSC como cliente, e da Sociedad Puerto Industrial Aguadulce, na Colômbia, que conheceu novos serviços e investiu em infra-estruturas.

No Sudeste Asiático, a PSA International aumentou o seu volume em 8,9%, para um movimento de carga recorde de 36,3 milhões de TEU. No Nordeste Asiático, a empresa movimentou 20 milhões de TEU, crescendo 9% e com volumes recorde em Fuzhou, Lianyungang, Qinzhou e Tianjin, todos portos chineses.

No Médio Oriente e Ásia do Sul, a empresa destacou o desempenho da PSA na Índia, onde cresceu 13% face a 2017, parcialmente devido ao movimento recorde da Chennai International Terminals (CITPL) e da Bharat Kolkata Container Terminals (BKCT).



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Selvagens Ilhas Afortunadas

    Junho 6
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill