Agora os navios poderão desligar os motores quando atracados no terminal de passageiros Norwegenkai. Seguem-se as instalações no terminal Schwedenkai e no terminal de cruzeiros de Ostseekai.
Porto de Kiel
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Foram oficialmente inauguradas, na última semana, as novas instalações para o abastecimento de energia eléctrica onshore a navios comerciais no porto de Kiel, na Alemanha. Agora os navios que atracam no porto já podem desligar os seus motores e poupar combustível, segundo vários meios de comunicação internacional.

A inauguração deu-se no terminal de passageiros Norwegenkai, no entanto prevê-se que o terminal Schwedenkai do porto e o terminal de cruzeiros em Ostseekai recebam o mesmo upgrade no próximo ano.

“No futuro, queremos estar em condições de usar electricidade em terra para cobrir 60% dos requisitos de energia dos navios que estão em Kiel. Isso significa que poderemos considerar-nos um dos portos mais amigos do ambiente da Europa”, referiu Dirk Claus, Director Administrativo do porto de Kiel.

O investimento na primeira central totalizou 1,25 milhões de euros, dos quais cerca de 400 mil euros foram financiados pelo estado de Schleswig-Holstein.

A central, construída pela Siemens AG, tem 4,5 megawatts – a produção de uma turbina eólica comercial de porte médio, como o nosso jornal já tinha anunciado oportunamente. E a mesma conecta o navio à rede de energia terrestre usando um sistema automático de encaixe fornecido pela NG3. Uma vez conectado à energia, os geradores a diesel da embarcação podem ser desligados.

Há apenas um obstáculo: a electricidade terrestre pode ser mais dispendiosa do que a electricidade produzida a bordo devido ao imposto alemão sobre Fontes de Energia Renovável (EEG). O que representa um acréscimo de cerca de 249 mil euros por ano de energia para os navios da Color Line, por exemplo, o que se reflecte no resultado final.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill