A empresa já fez saber que assume integralmente os custos das operações de limpeza resultantes da perda de carga do seu navio, quer no mar, quer em terra
Expedição Five Deeps
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A MSC assumiu os custos totais da limpeza decorrente da queda de contentores do seu navio MSC ZOE há uma semana e comprometeu-se a procurar os contentores perdidos até que o último seja encontrado, numa busca que está a ser levada a cabo pela Ardent Global em colaboração com as autoridades competentes, conforme informou em comunicado.

A empresa referiu igualmente que as praias alemãs e holandesas afectadas por resíduos e objectos relacionados com o acidente, especialmente nas Ilhas Frísias, como em Vlieland, Terschelling, Ameland e Schiermonnikoog, estarão sob monitorização até estarem integralmente livres desses resíduos e objectos, com o apoio de empresas especializadas.

Os objectos recolhidos serão transportados para terra, onde serão encaminhados para o devido tratamento, designadamente, reciclagem. Em comunicado de 4 de Janeiro, a empresa informava também que até à data não tinha conhecimento de qualquer problema pessoal resultante da perda de alguns contentores com carga perigosa.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill