Analistas dizem que a aliança é desvantajosa para a empresa e que no final do acordo, em 2020, cada parceiro seguirá caminhos separados
EMSWe
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A Hyundai Merchant Marine (HMM) ainda não terá decidido o seu futuro no âmbito da aliança 2M, que mantém com a Maersk e a MSC, segundo refere o World Maritime News. As três empresas assinaram um acordo de cooperação estratégica em Março de 2017, com a validade de três anos e uma opção de prolongamento.

Diz o jornal que, na opinião de analistas da indústria do transporte marítimo, as empresas deverão seguir caminhos separados no fim do acordo, em Abril de 2020, e consideram que ele é desvantajoso para a HMM, que não e um parceiro integral da aliança.

O jornal cita a consultora Alphaliner, segundo a qual esta aliança limita a capacidade de crescimento da HMM. Por outro lado, a empresa enfrentou criticas dos seus dois parceiros relativamente às recentes encomendas de navios (12 com capacidade para 23 mil TEU e 8 com capacidade para 15 mil TEU), que a HMM entende essenciais para o seu processo de reabilitação e recuperação de competitividade no mercado.

Em respostas à imprensa, diz o jornal, a HMM terá admitido que mantém um bom relacionamento com a 2M.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Seminário WavEC 2018

    4 Dezembro, 2018 - 5 Janeiro, 2019
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill