A empresa alemã desmentiu a notícia da Reuters, de acordo com a qual a CMA CGM terá proposto uma fusão entre as duas empresas
CMA CGM
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A Hapag-Lloyd desmentiu a notícia avançada pela Reuters de que a CMA CGM propôs uma fusão entre as duas empresas, refere o World Maritime News. De acordo com um porta-voz da Hapag-Lloyd, citado pelo jornal, “não existe substância nestes rumores de mercado”.

De acordo com a Reuters, citada em vários outros meios de comunicação, a CMA CGM terá feito “contactos exploratórios” no sentido da fusão com a empresa alemã e que terão mesmo sido iniciadas negociações nos últimos meses, mas a ideia não terá sido bem recebida pelos principais accionistas da Hapag-Lloyd – a empresa chilena Compañía Sudamericana de Vapores (CSAV), a família alemã Kuehne e o HGV.

Recorde-se que a CMA CGM é a terceira maior empresa mundial no transporte marítimo de carga contentorizada e que a Hapag-Lloyd é a quinta maior. Uma fusão de ambas diminuiria a diferença que as separa da principal empresa mundial do sector, a dinamarquesa Maersk e estaria alinhada com a tendência global para a consolidação de negócios neste sector, ou seja, com a política de fusões empresariais e de negócios como forma de rentabilizar activos e tornar a actividade mais eficiente.

 

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill