Os navios deverão destinar-se a um aluguer de longa duração à Chalco para transporte de bauxite da Guiné para a China
Almirante Kuznetsov
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A chinesa Cosco Shipping Corporation poderá estar a negociar com estaleiros igualmente chineses uma encomenda total de 25 graneleiros para transporte de bauxite da Guiné para a China, refere o World Maritime News, citando o Wall Street Journal. Segundo as mesmas fontes, os navios destinam-se a um aluguer de longa duração à Aluminum Corp. of China (Chalco), que estará a investir centenas de milhões de euros num projecto de exploração de uma mina de bauxite em Boffa, na Guiné.

A primeira fase deste projecto mineiro arrancou no final de Outubro, segundo refere o jornal, citando a Reuters, e terá uma produção inicial em 2019. Nesta fase, os navios deverão transportar cerca de seis milhões de toneladas métricas de bauxite. No final, está estimada uma exploração de 730 milhões de toneladas métricas de bauxite. Também nesta fase, segundo o Wall Street Journal, citado pelo World Maritime News, a Cosco deverá encomendar sete navios, seguindo-se mais à medida que a produção mineira for aumentando.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Da Cartografia na Antiguidade até à Cartografia Portuguesa

    Novembro 16 @ 15:00 - 17:30
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill