Joaquim B. Saltão

Joaquim B. Saltão, oficial náutico e comandante de vários navios, foi piloto do Porto de Luanda, acumulando com a função de Marine Surveyor ,independente, da “LLoyds Register”, “Germanischer Lloyd” e “Bureau Veritas”, armador de um arrastão de pesca costeira em Luanda e costa de Marrocos, tendo sido igualmente membro da CI/APS(Comissão Instaladora da Administração do Porto de Sines) e responsável pelos serviços marítimos, membro da Comissão de Entrega e Recepção do apetrechamento do Porto de Sines do Gabinete da Área de Sines à CI/APS, piloto do Porto de Lisboa e CEO do INPP (Instituto Nacional de Pilotagem dos Portos), extinto.
Há 00 minutos
Reflexões politicamente incorrectas, mas tecnicamente coerentes e imparciais, expressão de um «Velho Marinheiro», não da «Escola de Vasco Moscoso de Aragão», mas de alguém com vasta experiência nas ciências náuticas e consequente aplicação prática que só em manobras com navios de todos os tipos e tamanhos incluindo o que foi o 2.º maior navio tanque do mundo, perfez cerca de 25000 horas de navegação. saiba mais
Março 20, 2018
Há 00 minutos
Reflexões Sobre Portos de Águas Profundas em Portugal. Enigma, falácias ou o binómio de Newton de Álvaro de Campos. saiba mais
Outubro 13, 2017

Próximos eventos

  1. Seminário WavEC 2018

    4 Dezembro, 2018 - 5 Janeiro, 2019
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill