Uma draga russa terá sido apreendida pelas autoridades ucranianas por extracção ilegal de areia numa zona ocupada pela Rússia e está actualmente retida em Odessa, na Ucrânia
MATES
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O gabinete do Procurador-Geral da Ucrânia, Yuri Letsenko, informou que foi apreendida uma draga russa em Odessa, cidade ucraniana situada a Noroeste da Crimeia, junto à costa do Mar Negro, por extracção ilegal de areia, revela o Safety4Sea. Segundo refere a notícia, este é o segundo navio russo que a Ucrânia apreende desde Março.

De acordo com a agência noticiosa russa TASS, citada pelo Safety4Sea, a porta-voz do gabinete do Procurador-Geral da Ucrânia terá o navio apreendido é de uma empresa russa e que está actualmente no porto de Yuzhny, em Odessa. Ainda segundo a TASS, citada pela mesma publicação, a empresa será a Trans Service Maritime, cujo porto base é em Tuapse, uma cidade russa a Nordeste do Mar Negro.

Segundo a Procuradoria-Geral da Ucrânia, a areia estaria a ser extraída da Baía de Karkinit, no Mar Negro, integrada em território ucraniano temporariamente ocupado pela Rússia, para ser utilizada na construção ilegal próximo de Kerch, na costa oriental da Crimeia, actualmente sob ocupação russa.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill