Durante quase uma semana, a APSS e a Câmara de Setúbal vão aproximar e economia do mar dos cidadãos, com uma série de eventos
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

De 9 a 14 de Outubro, a Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra (APSS) e a Câmara Municipal de Setúbal (CML), com a colaboração da Aporvela, Marinha, associações náuticas e outras entidades relacionadas com o porto setubalense e a economia do mar, promovem a Semana do Mar 2018.

De acordo com a APSS, o evento “dará continuidade à valorização e à promoção da relação da cidade de Setúbal, do rio Sado e do porto, com a população e visitantes”, englobando “um leque variado de actividades e eventos que ligam o passado, o presente e o futuro, numa perspectiva de dar a conhecer actividades relacionadas com a Economia Azul, nomeadamente o turismo e as actividades portuárias relacionadas, que contribuem para o desenvolvimento sustentado da região de Setúbal e do país”.

Entre as actividades previstas constam visitas escolares e públicas ao veleiro NRP Sagres, ao navio de investigação Mar Portugal – cuja presença constituirá uma novidade – e à caravela Vera Cruz, a Conferência «Conhecer o Mar: Investigação e Inovação», uma visita guiada «Creiro – Economia Marítima no Período Romano», a simulação de um leilão à voz na Docapesca, batismos de mar numa lancha de fiscalização rápida, passeios no Sado em embarcações tradicionais e uma regata de veleiros.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill