O NIMASA está colaborar com a Assembleia Nacional para garantir que o Projecto, concebido para afastar a criminalidade das águas da Nigéria, é aprovado em breve.
Sun Princess
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O ministro dos Transportes da Nigéria, Rotimi Chibuike Amaechi, reiterou o empenho e determinação do Governo em limpar das águas territoriais nigerianas a criminalidade através de uma Infra-estrutura Integrada de Protecção de Segurança e Hidrovia, também conhecida como Projecto Deep Blue.

 

Segundo o ministro, devido à extensão da costa da Nigéria, à sua zona económica exclusiva e à sua localização estratégica numa importante rota de navegação – o Golfo da Guiné – o país não pode suportar as ilegalidades como a pirataria e outros crimes. Pelo que, o Director Geral da Agência de Administração e Segurança Marítima da Nigéria (NIMASA), Dakuku Peterside, referiu que o Projecto Deep Blue irá reduzir significativamente a criminalidade marítima na região.

 

O projecto, sendo multi-camadas envolve o treino de oficiais seleccionados de vários serviços de segurança, bem como a aquisição de activos para combater o crime marítimo. A Nigéria completa agora o treino do pessoal para tal, que será complementado com a aquisição de embarcações e instalações, que incluirão um centro de comando e controlo para recolha de dados e partilha de informações.

 

O NIMASA colabora agora com a Assembleia Nacional para garantir que o Projecto é aprovado em breve.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Selvagens Ilhas Afortunadas

    Junho 6
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill