O navio MSC ZOE, que terá partido de Sines rumo à Alemanha, terá perdido carga durante o trajecto, no Mar do Norte
Haliade-X 12 MW
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O porta-contentores MSC ZOE terá perdido mais de 30 contentores entre 1 e 2 de Janeiro no Mar do Norte, a norte de Borkum, na Alemanha, durante um trajecto entre o porto de Sines e o de Bremerhaven, na Alemanha, referiu ontem a safety4Sea.

No momento em que escrevemos este artigo, ainda no dia 2 de Janeiro, 18 contentores já teriam sido localizados e 7 estariam perdidos entre Vlieland e Terschelling, na Holanda, mas estava em curso uma operação de quantificação e localização do total perdido, dificultada por condições atmosféricas adversas.

Segundo a publicação, parte da mercadoria desses contentores serão componentes automóveis e brinquedos, mas relativamente a três contentores a carga em causa será de peróxidos orgânicos, um composto químico potencialmente inflamável e volátil, sensível ao calor, choque mecânico, fricção ou contaminação por materiais incompatíveis.

O nosso jornal contatou a MSC em Portugal para confirmar a ocorrência e a informação com ela relacionada, mas fonte da empresa optou por nada confirmar, reservando para momento posterior uma comunicação sobre o assunto, se tal for considerado oportuno.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. IV Grande Conferência JEM

    Janeiro 22 - Janeiro 23
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill