Em missão na ilha grega de Lesbos, a Polícia Marítima já salvou 4.800 migrantes do Mar Egeu desde 2014
Polícia Marítima
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Ainda em tempo de balanço, o nosso jornal recupera dados adiantados pela Autoridade Marítima Nacional (AMN), de acordo com os quais, em 2018, foram resgatados do Mar Egeu 660 migrantes de várias nacionalidades pela equipa da Polícia Marítima (PM) em missão na ilha grega de Lesbos.

Segundo a AMN, no último ano, esta equipa da PMrealizou 340 acções de patrulha no mar, totalizando 2.182 horas de navegação” e a “Viatura de Vigilância Costeira da Polícia Marítima, equipada com radar e câmaras de vigilância de imagem infra-vermelhos e térmica, que também se encontra nesta missão, realizou 341 acções de vigilância, num total de 2 189 horas de missão, nas quais apoiou 17 missões de busca e salvamento marítimo de migrantes”.

Integrada na operação POSEIDON desde 2014, “sob égide da agência europeia FRONTEX e em apoio à guarda-costeira grega, com o objectivo de controlar e vigiar as fronteiras marítimas gregas e externas da União Europeia, no combate ao crime transfronteiriço, no âmbito das funções de guarda-costeira europeia”, a PM “já detectou e retirou a salvo das águas do Mar Egeu mais de 4.800 migrantes”, refere a AMN.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill