Questão debatida no Fórum «Cavalos-Marinhos da Ria Formosa» aguarda agora um plano concreto para evitar extinção da espécie.
Cavalosmarinhos na Ria Formosa
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O projecto que tem como objectivo avaliar o estado da população de cavalos-marinhos da ria Formosa concluiu que a captura ilegal da espécie é muito prejudicial para a mesma e que o Algarve está no “bom caminho” ao incentivar este debate sobre aquele que, na opinião de Tiago Pitta e Cunha, presidente Executivo da Fundação Oceano Azul, que gere o Oceanário de Lisboa, pode ser “um símbolo forte desta região”.

O debate que ocorreu recentemente sobre os três meses do projecto, com cerca de 60 participantes, desde pescadores comerciais e recreativos a investigadores e até autoridades ou estudantes, dará certamente “fruto”. A Sciaena, a ANP|WWF, a Fundação Oceano Azul e o Oceanário de Lisboa comprometeram-se a analisar os resultados da campanha e planear futuras acções.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Seminário WavEC 2018

    4 Dezembro, 2018 - 5 Janeiro, 2019
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill