A cidade portuária de Roterdão já está a beneficiar do Brexit, mesmo sem ele ter ocorrido, com ou sem acordo. Em 2018, 36 empresas estrangeiras, 11 das quais britânicas, instalaram-se na cidade e vão representar mais de mil postos de trabalho e 200 milhões de euros de investimento local
Porto de Roterdão
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Com o Brexit na ordem do dia, as autoridades portuárias de Roterdão vieram recordar que em 2018, 11 empresas britânicas, incluindo a Cogoport, a Webhelp, a Airlift Systems e a GE Healthcare, anteciparam a situação e instalaram-se na cidade. Segundo as autoridades de porto de Roterdão, representam quase um terço das empresas internacionais estabelecidas na cidade no último ano.

No total, as 36 empresas estrageiras ali instaladas em 2018 por causa do Brexit irão criar mais de 1.430 postos de trabalho e investir cerca de 199 milhões de euros na economia local. Tais empresas foram atraídas pela Rotterdam Partners, que e responsável pelo marketing da cidade e pela persuasão de empresas estrageiras a escolherem Roterdão para se instalarem.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill