Ministra do Mar assinalou a entrada em funcionamento do novo terminal
Terminal de Cruzeiros de Lisboa
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Entrou ao serviço no passado dia 18 de Setembro o novo Terminal de Cruzeiros de Lisboa, preparado para receber “mais de 1,8 milhões de passageiros por ano”, sususceptíveis de gerarem “efeitos directos, indirectos e induzidos na economia” superiores a 100 milhões de euros até 2020, segundo o Ministério do Mar. O momento foi assinalado por Ana Paula Vitorino.

O navio Monarch foi o primeiro a utilizar a nova gare de passageiros do novo terminal pelo qual passaram cerca de 3500 pessoas, numa operação de turnaround, com o desembarque dos passageiros que concluíram uma viagem proveniente de Warnemunde (Alemanha), e o embarque para um cruzeiro de 8 dias rumo às Ilhas Canárias.

Segundo a Administração do Porto de Lisboa (APL), o Director do terminal terá considerado que o fluxo do processamento de bagagens e de passageiros decorreu com normalidade, sem problemas de segurança, e que a capacidade de resposta foi boa, tendo em conta que foi a estreia da infraestrutura e numa operação complexa como é a de turnaround.

Lançado em 2007, o terminal resulta de um projecto do arquitecto Carrilho da Graça, foi desenvolvido pela Lisbon Cruise Terminals (LCT), concessionária da infra-estrutura desde 2014, e tem uma área total de 13.800 m2, repartidos por três andares. As instalações têm inovações tecnológicas “ao nível dos acabamentos e de soluções construtivas, de que é exemplo o betão com incorporação de cortiça”, esclarece o Ministério do Mar.

O novo terminal, com 360 lugares de estacionamento público e 80 lugares de estacionamento de autocarros, capacita o porto de Lisboa para desenvolver o “segmento do turnaround, com um potencial muito elevado, considerando a sua localização no cruzamento das principais rotas – mediterrâneo, báltico, transatlântico, Atlântico”, conclui o Ministério do Mar.

De acordo com a APL, “no final de 2017 prevê-se que as escalas de navios atinjam as 337, com o número de passageiros a chegar aos 524 mil, representando um crescimento de cerca de 8% do número de escalas face a 2016”, números que “farão de 2017 o segundo melhor ano de sempre da actividade de cruzeiros no Porto de Lisboa”. Segundo a APL, “os recordes foram alcançados em 2013, com 353 escalas e 558 mil passageiros”, acrescentando que “o ano de 2018 deverá ser o melhor de sempre na actividade de cruzeiros em Lisboa, com um novo recorde de escalas de navios, 361, e de passageiros, 617 mil”.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill