Em 2018, a nova capacidade instalada de energia eólica na Europa superou a nova capacidade instalada de qualquer outro tipo energético no Continente, segundo a associação WindEurope. E embora a energia eólica seja a segunda mais usada na Europa, a seguir ao gás natural, pode este ano tornar-se a principal fonte de energia no Continente
EDP Renováveis
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Em 2018, a energia eólica foi responsável por 14% da electricidade gerada na União Europeia (UE), mais 2% do que era em 2017 (12%), e hoje representa uma capacidade instalada de 178.8 GW, de acordo com a WindEurope, uma associação promotora do uso deste tipo de energia na Europa. Na Europa, e já não apenas na UE, a capacidade eólica instalada é de 189 GW, dos quais 170 GW em terra e 19 GW offshore, o que faz deste tipo de energia o segundo mais usado na Europa, a seguir ao gás natural, que poderá superar já este ano.

Refere a WindEurope que em 2018, a Europa instalou 11,7 GW de nova capacidade eólica (9 GW e terra e 2,65 GW offshore), menos 32% do que em 2017, e que o último ano foi aquele em que menos capacidade se instalou em terra desde 2008. Por outro lado, também relativamente à capacidade eólica offshore houve uma diminuição de instalação (menos 16% do que em 2017). Também em 2018, a Europa retirou 0,4% da sua capacidade eólica instalada, maioritariamente de unidades em terra.

Todavia, 2018 foi um ano em que a nova capacidade eólica instalada na Europa superou a nova capacidade instalada de qualquer outro tipo de energia. De toda a capacidade energética instalada no último ano, 48% foi de energia eólica, que já representa 18,4% do total da capacidade de produção energética da UE. E dos investimentos em energias renováveis feitos em 2018, 63% foram feitos em energia eólica, acima dos 52% de 2017. Em contrapartida, noutros tipos de energia, convencionais, como o fuel, o petróleo e o carvão, registou-se uma retirada da capacidade superior à capacidade instalada.

 



Um comentário em “Nova capacidade eólica superou a de outros tipos de energia na Europa”

  1. Luiz Filipe Brandao diz:

    Esta notícia é falsa desafio a mostrarem os dados da Europa – toda e vê-se que a energia eólica é insignificante

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Selvagens Ilhas Afortunadas

    Junho 6
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill