Ana Paula Vitorino esteve na Comissão de Agricultura e Mar, onde manifestou preocupação com a greve dos estivadores
Ministra do Mar
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A ministra do Mar admitiu esta semana na Comissão de Agricultura e Mar que estará amanhã em Leixões para se reunir com sindicatos a propósito da greve ao trabalho suplementar por parte dos estivadores convocada pelo SEAL (Sindicato dos Estivadores e da Actividade Logística) e que está em curso até Janeiro de 2019.

Ana Paula Vitorino admitiu que importa resolver o problema dos estivadores porque está a afectar o sistema portuário nacional, em particular a credibilidade do porto de Lisboa, e com isso várias actividades económicas e o abastecimento às Regiões Autónomas.

Na mesma reunião no Parlamento, a ministra reconheceu que o projecto de expansão do Terminal XXI do porto de Sines teve que ser objecto de readaptação porque colidia com o projecto do novo Terminal de Contentores Vasco da Gama. Disse igualmente que já existe um entendimento de princípio sobre a concessão e expansão desse terminal, designadamente o tipo de intervenção e a área, mas faltam acordar o valor do investimento e o prazo da concessão.

Ana Paula Vitorino lembrou ainda que em 2019 terão lugar as experiências piloto da Janela Única Logística (JUL), especialmente importante no caso do transhipment em Sines, que representa 80% do movimento do porto, em Sines, Leixões e na Madeira.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Da Cartografia na Antiguidade até à Cartografia Portuguesa

    Novembro 16 @ 15:00 - 17:30
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill