A Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, realizou uma visita ao Porto de Sines para a apresentação oficial dos projectos de investimento previstos relativamente à expansão do Terminal XXI e do novo Terminal e a diversas infra-estruturas, desde a ampliação do Molhe Leste à construção de um Centro de Despacho de Mercadorias, reforço da rede eléctrica para alta tensão e a requalificação do ramal ferroviário.
Infra-estruturas de Portugal
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

No que respeita à expansão do Terminal XXI, após o fecho final da renegociação do respectivo Contrato de Concessão, encontram-se previstos investimentos globais na ordem dos 547 milhões de euros a serem integralmente realizados pela empresa Concessionária, a PSA Sines, respeitando tanto à expansão do cais de acostagem e respectivos equipamentos de movimentação, bem como à manutenção, substituição e renovação de equipamentos já instalados.

Para além da expansão do cais do Terminal XXI que permitirá atracação simultânea de quatro navios porta-contentores de última geração e, consequentemente, um aumento da capacidade de movimento anual de contentores dos actuais 2,3 milhões de TEU para os 4,1 M-TEU, encontra-se igualmente planeada a ampliação da respectiva área de armazenagem dos actuais 42 hectares para 60 hectares.

Em simultâneo, em termos de infra-estruturas, tal como aprovado no Conselho  de Ministros do passado dia 25 de Julho, a Autoridade Portuária está agora autorizada a realizar igualmente investimentos globais na ordem dos 99,1 milhões de euros, compreendendo a ampliação em 750 metros do molhe Leste do porto (75 M€); a contratualização da construção de uma nova lancha de pilotos (900 mil euros); a construção de um Centro Rodoviário de Despacho de (4,8 M€); o reforço da rede eléctrica para alta tensão (10 M€), e a requalificação do ramal ferroviário (8,4 M€).

No que respeita à construção e operação do futuro Terminal Vasco da Gama, obra a ser realizada igualmente por concessão, embora ainda sem data de lançamento do respectivo concurso, prevê-se desde já, no entanto, um valor global de investimentos estimados na ordem dos 642 milhões de euros.

Correndo tudo como planeado, o novo terminal Vasco da Gama terá uma capacidade de movimentação anual de 3 milhões de TEU e um cais de 1.375 m com possibilidade de posições de acostagem simultânea até três navios de contentores, com 15 pórticos de cais e fundos de -17,5 m ZH, a par de uma área de terrapleno de 46 ha.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill