A MetOcean Solutions registou a maior onda do hemisfério sul a semana passada, com 23,8 metros
Oceano Antárctico
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A maior onda alguma vez registada no hemisfério sul, com 23,8 metros, foi detectada na semana passada pela MetOcean Solutions, referiu o oceanógrafo Tom Durrant, em comunicado oficial. “O nosso recorde anterior tinha sido há um ano atrás, quando detectámos uma onda de 19,4 metros, e antes tinha sido em 2002 uma bóia australiana a detectar uma onda de 22,3 metros. Portanto, esta é uma tempestade muito importante de capturar e auxiliará bastante na nossa compreensão da física das ondas sob condições extremas no Oceano Antárctico”, referiu o oceanógrafo.

Ainda assim, Durrant acredita que a tempestade de 8 de Maio poderá ter resultado em ondas maiores. “A previsão de ondas mostra condições para ondas maiores a norte da localização da bóia. Até porque, para conservar a bateria durante a implantação de um ano, a bóia, movida a energia solar, mede as ondas por apenas 20 minutos em três horas e, de seguida, envia os dados por link de satélite. Durante esse período de 20 minutos, a altura, o período e a direcção de cada onda são medidos e as estatísticas calculadas. É muito provável que ondas maiores tenham ocorrido enquanto a bóia não estava a gravar”, refere Durrant.

O Oceano Antárctico, uma bacia oceânica única, é o menos estudado dos oceanos, apesar de ocupar 22% da área oceânica global e de ter condições que geram ondas que se propagam por todo o planeta. E, segundo o oceanógrafo, essas tempestades são frequentes e podem ocorrer em qualquer época do ano, o que difere das tempestades do hemisfério norte, de alta latitude, que ocorrem apenas no inverno. No entanto, a de 8 de Maio diferiu na velocidade da tempestade que parecia combinar-se com a velocidade da onda, permitindo maiores alturas de ondas.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill