Pesquisa incidiu sobre o traçado previsto para assentamento de um cabo eléctrico entre as Ilhas da Madeira e de Porto Santo
Lancha Auriga
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A lancha hidrográfica da Marinha Auriga, em missão científica na Região Autónoma da Madeira até ao final de Agosto, concluiu recentemente um “estudo geomorfológico e de caracterização do substrato marinho ao longo do traçado previsto para assentamento de um cabo eléctrico entre as Ilhas da Madeira e de Porto Santo”, informou a Marinha.

Efectuado junto a terra, a profundidades de 150 metros em locais onde começará e terminará o cabo submarino que ligará as ilhas, “o estudo contemplou uma abordagem multidisciplinar onde se incluíram várias etapas de aquisição e processamento de dados acústicos e geofísicos”, refere a Marinha.

Segundo explica a Marinha, “com recurso a um sistema de reflexão sísmica e a um sistema de sonar de varredura lateral, foi efectuado um mapeamento de elevada resolução e a detecção de objectos assentes no fundo, na zona da plataforma continental adjacente às ilhas onde o cabo submarino irá assentar”.

Em breve, o navio irá proceder à “manutenção da boia de aquisição de dados oceânicos situada junto às ilhas Selvagens (boia ODAS – Ocean Data Acquisition System) e “colocar no fundo do mar correntómetros acústicos, a norte e a sul da Ponta de São Lourenço” para medir “a velocidade e direcção das correntes submersas”, refere a Marinha.

 

Nota: Foto retirada do portal oficial da Marinha



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill