Cerca de 6.500 alunos de 48 escolas de todo o país estarão envolvidos no programa, coordenado pela DGPM, mas existe a ambição de o estender a mais estabelecimentos de ensino
World Ocean Summit
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Foi lançado esta semana o programa Escola Azul, destinado a “promover a literacia do oceano e reforçar a ligação do sector do mar às escolas” em todo o país, conforme refere o Ministério do Mar. Participam 48 escolas e estão envolvidos 6.500 alunos, mas existe a intenção de ampliar o projecto ao longo dos anos lectivos vindouros, refere o Ministério do Mar.

De acordo com o Governo, a iniciativa, que é coordenada pela Direcção-Geral de Política do Mar (DGPM) e tem a coordenação científica e a cooperação asseguradas pela Ciência Viva, visa ainda “distinguir, estimular e apoiar as escolas portuguesas a trabalhar temas ligados ao oceano, integrar numa estratégia única e concertada os diferentes projectos e acções de literacia do oceano e reforçar a intervenção entre o sector e a comunidade escolar”.

Para se tornarem Escola Azul, as instituições “devem desenvolver projectos sobre o oceano, integrar alunos de diferentes idades, envolver diferentes disciplinas, responsabilizar alunos e professores e interagir com o sector do mar”, refere o Governo.

Na ocasião, a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, que presidiu à sessão de lançamento do programa, referiu que “o Escola Azul pretende criar um maior envolvimento das escolas e das crianças, jovens e adolescentes em projectos ligados ao mar, sensibilizando-os para as obrigações relativamente ao mar, que tem de ser protegido, cuidado e preservado”.

A ministra admitiu que quer “atingir o maior número possível de escolas”, em número substancial, embora reconhecendo que não será possível alcançar “todas as escolas do país, porque será sempre mais fácil chegar às escolas do litoral”. E referiu que o projecto também pode contribuir para sensibilizar os mas novos para diferentes carreiras profissionais associadas ao mar, como na pesca, biologia marinha, indústria naval ou marinha de guerra.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill