Navio suspeito de transportar combustível ilegalmente
Coralia
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A Guarda Costeira Líbia disparou, no passado Sábado, contra um petroleiro que julgava estar a fazer contrabando de combustível. Pelo menos dois tiros foram disparados na sequência da falta de resposta por parte do petroleiro à chamada das autoridades.

Segundo várias fontes internacionais, os tiros disparados causaram danos no petroleiro, nomeadamente, no tanque e no compartimento do motor, entrando água, que se vê em imagens recolhidas pelas próprias autoridades. Há informações de que o navio pode ter adornado.

“O Goeast, que arvorava a bandeira de Comores, foi descoberto três dias antes dirigindo-se para Abu Kamash e a recolher combustível, através de um pipeline, na Quinta-feira à noite, a dois quilómetros da costa”, disse o general Ayoub Qassem, segundo a AFP.

Não é a primeira vez que este tipo de incidentes se dá na Líbia, uma vez que os preços de combustível estão entre os mais baixos do mundo, e oferecem perspectivas lucrativas.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill