Shell vai construir e operar uma unidade de regaseificação de GNL em Gibraltar
GNL
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O Governo de Gibraltar assinou um acordo com a Shell para o fornecimento de gás natural liquefeito (GNL), que inclui a construção de uma unidade de regaseificação capaz de receber, armazenar e regaseificar o produto que ali chega de barco e destina-se à central energética a gás natural actualmente em construção.

De acordo com o World Maritime News, que refere o negócio, a unidade de regaseificação será operada pela Gasnor, uma subsidiária da Shell com mais de 10 anos de experiência operacional em GNL. A sua construção deverá começar até ao final deste ano e o seu comissionamento, bem como a primeira entrega de GNL deverão ocorrer antes da entrada ao serviço da central energética, prevista ara o segundo semestre de 2017.

O produto será armazenado antes de aquecido até ao seu estado gasoso original e depois canalizado até à central energética. A unidade incluirá também um cais para pequenos cargueiros de GNL, que fornecerão o produto durante a noite, minimizando o impacto da sua proximidade com o porto, o aeroporto e propriedades vizinhas.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill