Propostas apresentadas até Fevereiro e resultados na próxima Primavera
Borkum Riffgrund 2
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O Governador do Estado de Nova Iorque, Andrew Cuomo, através da New York State Energy Research and Development Authority (NYSERDA), abriu um concurso a potenciais interessados para a realização de projectos de energia eólica offshore naquele Estado norte-americano, referem vários meios de comunicação internacionais.

A proposta contempla requisitos inéditos relativos a salários e condições laborais para os promotores dos projectos que assegurem a criação de postos de trabalho qualificados em Nova Iorque. Neste contexto, a NYSERDA está habilitada a realizar contratos de 25 anos para projectos de 200 a 800 MW. Cada proponente, porém, deverá apresentar pelo menos um projecto de 400 MW e até Fevereiro de 2019. Os resultados serão conhecidos na próxima Primavera.

O concurso insere-se no objectivo já anunciado de Andrew Cuomo de “atrair cerca de 5,1 mil milhões de euros da sua indústria para apoiar quase cinco mil novos empregos relacionados com o fabrico, a instalação e a operacionalidade de instalações eólicas offshore”, dos quais dois mil em operações e manutenção, conforme o nosso jornal já aqui referiu. Um propósito que inclui a ambição de atingir uma capacidade energética de 2.400 MW em energia eólica offshore nas águas atlânticas do Estado de Nova Iorque até 2030.

 



Um comentário em “Estado de Nova Iorque abriu concurso para projectos eólicos offshore”

  1. Pedro Valle Teixeira diz:

    Como sempre a EQUINOR/HYWIND (ex Statoil) já vai muito à frente desde Março 2017:
    https://www.equinor.com/en/what-we-do/empirewind.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. IV Grande Conferência JEM

    Janeiro 22 - Janeiro 23
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill