O presidente da Puertos del Estado reuniu com um diplomata chinês de Madrid e vincou o interesse espanhol no investimento de empresas chinesas neste sector
Puertos del Estado
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Tal como Portugal, a Espanha não desdenha o potencial de investimento chinês nas actividades marítimo-portuárias, conforme se infere de vários encontros de alto nível que têm sido mantidos entre representantes de Madrid e Pequim. O último desses encontros foi entre o presidente da Puertos del Estado, a entidade pública responsável pela execução da política portuária espanhola, Salvador de la Encina, e o Adido Comercial da Embaixada chinesa em Espanha, Wang Yingqi.

No encontro, no qual participou também um representante da Autoridade Portuária de Algeciras, Salvador de la Encina transmitiu ao seu interlocutor o bom acolhimento que as empresas chinesas recebem em Espanha e assegurou que tanto a legislação espanhola, que garante segurança jurídica, como a paz social, reforçam a capacidade de atracção de Espanha para os investidores chineses, refere uma nota no portal da Puertos del Estado.

No mesmo portal, a Puertos del Estado refere que “a presença de empresas de transporte marítima e operadoras portuárias chinesas em vários portos do Mediterrâneo e de Espanha gerou um frenesim comercial das entidades espanholas, que desejam fazer avançar e ampliar projectos de colaboração” com as autoridades de Pequim.

Segundo a mesma nota, Wang Yingqi destacou a “vantagem competitiva que constituem os enclaves portuários espanhóis como plataformas logísticas nas principais rotas marítimas inter-continentais, com especial relevância no eixo Leste-Oeste desde a ampliação do Canal do Panamá”.

Wang Yingqi terá igualmente manifestado interesse em conhecer “os desenvolvimentos logístico-portuários que têm ocorrido em Espanha, com especial enfoque nas zonas francas, muito presentes nos grandes portos chineses” e concordou em estabelecer “um canal de comunicação à escala nacional que permita trocar experiências sobre esta matéria”.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill