Com o intuito de proporcionar maior consciencialização sobre o problema, a IMO realizou recentemente um workshop sobre segurança marítima no Golfo da Guiné.
Mútua dos Pescadores
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

No âmbito de proporcionar segurança marítima nos portos do Golfo da Guiné, a Organização Marítima Internacional (IMO, na sigla inglesa) desenvolveu um workshop regional, este mês, em Tema, no Gana, para “construir capacidade nacional para instaurar segurança nos portos”, pode ler-se no comunicado oficial da organização.

O workshop, focado na maneira de estabelecer instalações de segurança e órgãos do porto para este efeito, bem como comités que facilitam o desenvolvimento do processo, com termos específicos de referência, inclui também uma parte mais prática, sobre conhecimentos técnicos que respeitam à segurança dos navios, às instalações portuárias, bem como à consciencialização da situação marítima actual.

A iniciativa foi financiada pelo Governo da Dinamarca. E entre os participantes encontravam-se o Benim, os Camarões, a Costa do Marfim, a Guiné Equatorial, o Gabão, o Gana, a Nigéria, São Tomé e Príncipe, Senegal, Serra Leoa e Togo.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Seminário WavEC 2018

    4 Dezembro, 2018 - 5 Janeiro, 2019
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill