Assinada Carta de Compromisso entre parceiros, públicos e privados, envolvidos na concepção e implementação da Plataforma Regional Integrada de Formação e Ensino na Área do Mar para a Região da Madeira.
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Ocorreu na semana passada, no Salão Nobre do Governo Regional da Madeira, a assinatura da Carta de Compromisso entre parceiros, públicos e privados, envolvidos na conceção e implementação da Plataforma Regional Integrada de Formação e Ensino na Área do Mar, a qual visa criar, na Madeira, capacidades de ação estratégicas para a formação qualificada e para a abertura de oportunidades no exigente mercado de trabalho, na área do Mar.

A economia azul na região é já uma realidade, em todas as dimensões, no turismo costeiro e científico, na aquicultura, nas atividades extrativas, na energia e na biotecnologia. Atividades que precisam de profissionais vocacionados e qualificados.

A relevância do Mar no contexto do desenvolvimento económico, social e ambiental da Região Autónoma da Madeira é incontornável e, por isso, a adequada qualificação de recursos humanos neste domínio, mediante a aposta na formação e ensino nas suas áreas prioritárias, requer respostas práticas e sustentáveis, quer no imediato, quer no longo-prazo.

Neste momento há necessidades concretas nestas áreas, e começa a ser, em alguns casos, condicionante ao crescimento e à diversificação das empresas. Por outro lado, há um conjunto importante de fatores competitivos que a região apresenta, desde logo infraestruturas de excelência, fácil acesso ao mar todo o ano, o mercado dos cruzeiros, o registo internacional de navios e competências em algumas áreas de formação.

Por um lado, procurar-se-á assegurar a complementaridade e rentabilização das infraestruturas e equipamentos de excelência existentes na Região, promovendo a melhor gestão dos recursos disponíveis ao Ensino e à Formação. Por outro lado, promover-se-á o Emprego, melhorando as condições de acesso dos jovens e dos adultos ao mercado de trabalho na área do mar, aperfeiçoando o papel das empresas no planeamento e realização das ações de formação, que possam gerar resposta efetiva às suas necessidades.

A Plataforma assegurará que os recursos do ensino e da formação da RAM possam ser disponibilizados e geridos de forma integrada e em articulação com as empresas ligadas à economia do mar e às entidades públicas, reforçando deste modo a eficácia, a complementaridade e a coerência das ações de planeamento e execução. Ao mesmo tempo, promovendo melhores condições de sustentabilidade, sinergias, eficiência e partilha conjunta dos riscos perante os desafios e as oportunidades decorrentes deste importante empreendimento Regional.

A Carta de compromisso reúne representantes de toda a dimensão da economia azul: os empregadores, as entidades públicas e privadas de formação, a inovação, a acreditação e as empresas de recrutamento e a governação.

Uma vez mais, vamos dar um exemplo ao país, este nosso país de marítimos, e mostrar que é possível fazer acontecer quando há visão, cooperação, competência e empenho.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Selvagens Ilhas Afortunadas

    Junho 6
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill