A candidatura de 10 milhões de euros envolve parceiros de vários sectores e representa uma aposta no desenvolvimento sustentado para o território costeiro do oeste

Dada a forte representatividade da Região Oeste no sector da pesca, «a candidatura apresenta uma proposta de plano financeiro que prevê o envolvimento de €5.950.000 de FEAMP (Fundo Europeu das Pescas e Assuntos Marítimos), €488.750 de FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional) e €930.000 de FSE (Fundo Social Europeu), que no seu conjunto perfazem um total de €7.368.750 de apoio público correspondentes a um volume total de investimento estimado em €10.621.667».

O protocolo de Parceria do Grupo de Ação Local da Pesca do Oeste – GAL Pesca Oeste – foi assinado no dia 11 de Fevereiro, para reconhecimento de um «Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC)» Costeiro para a Região Oeste, a fim de implementar e monitorizar uma estratégia no território costeiro oestino. Caso seja aprovado, o grupo de acção local terá de elaborar uma estratégia de desenvolvimento local, avaliar e selecionar projectos e acompanhar o seu processo de execução.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill