Quatro zonas próximas de uma zona rica em biodiversidade marinha serão licitadas em Outubro para exploração petrolífera, contra um parecer técnico que recomenda a sua exclusão do leilão
Crescendo Azul
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O Brasil vai leiloar áreas vizinhas ao Parque Nacional de Abrolhos, no sul do Estado da Bahia, considerada a principal reserva ambiental marinha do país, para exploração de petróleo, na 16ª ronda de licitação para explotação de hidrocarbonetos, que decorrerá em Outubro, refere o Observador com base em notícia avançada pelo jornal O Estado de São Paulo.

Segundo as mesmas fontes, a decisão partiu do presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), relativamente a quatro áreas consideradas sensíveis, a pedido do Ministério do Meio Ambiente, apesar de contrariar um relatório realizado por técnicos daquela entidade, que tinha recomendado a exclusão dessas áreas do leilão.

Ainda de acordo com as mesmas fontes, a decisão já terá sido criticada por ambientalistas, que terão alegado que a exploração petrolífera pode prejudicar o Parque Nacional de Abrolhos. Já o ministro do Meio Ambiente do Brasil, Ricardo Salles, também terá defendido “publicamente a inclusão destas áreas em leilões de exploração de petróleo”, refere o Observador.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Selvagens Ilhas Afortunadas

    Junho 6
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill