Estratégia para 2018-2021 pretende aumentar a frota com bandeira dinamarquesa.
Sanchi
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Esta semana foi apresentada a nova estratégia para a Danish Shipping, organização dinamarquesa que congrega armadores e outras empresas relacionadas com o transporte marítimo. A nova estratégia – Ahead of the Curve – está prevista para os próximos quatro anos e foca-se em competências, digitalização e desenvolvimento tecnológico como catalisadores para o crescimento contínuo futuro.

O presidente da organização, Claus V. Hemmingsen, apresentou a nova estratégia para 2018-2021 na reunião de membros. Esta prevê o crescimento da frota de bandeira dinamarquesa, bem como aumentar para 7.000 o número de funcionários, mantendo um número constante de marítimos dinamarqueses. Pretendem também apoiar a Organização Marítima Internacional (IMO, na sigla inglesa) como órgão efectivo que oferece respostas oportunas a questões globais, com regulamentação de impacto na indústria de navegação e no meio ambiente.

“É nossa ambição que a Dinamarca permaneça um país globalmente líder na entrega marítima por estar à frente da curva. As companhias de navegação dinamarquesas devem continuar a criar valor para os clientes, parceiros e locais, ao mesmo tempo que actuam como líderes responsáveis ​​da indústria. Isso requer condições de estrutura e uma abordagem em que nós, como organização, influenciamos activamente o desenvolvimento da indústria de navegação, abrindo caminho para o transporte marítimo global crescer com uma pegada mínima à nossa volta”, refere Claus V. Hemmingsen.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill