Está a ser testado na Holanda um novo método de instalação turbinas offshore considerado importante no contexto da transição energética
MIMRee
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A GBM Works e parceiros estão a testar novos métodos de instalação de mono-pilares onde as turbinas eólicas são colocadas de uma forma sustentável e economicamente eficiente em Maasvlatke, no porto de Roterdão, segundo o Safety4Sea.

Este projecto funciona através de um método de perfuração com vibração (vibro-drill) no qual as turbinas para o mono-pilar são conduzidas ao fundo do mar por meio de elementos vibratórios, ao contrário das pilhas de perfuração comuns, advindo a força não de cima, mas do peso da própria pilha, usada para instalar.

Maasvlakte, como localização experimental, tem as melhores condições devido ao seu fundo arenoso, pelo que o “SIF, Van Oord, TU Delft, Deltares e as autoridades do porto de Roterdão uniram forças para facilitar o desenvolvimento do método de perfuração por vibração providenciando suporte financeiro aos projectos”, no local, explicou Govert Meijer, da GBM Works.

Note-se que no fim de 2018 a empresa já tinha realizado experiências com vibração de uma placa de 16 toneladas. E pretende, até ao fim de Junho de 2019, proceder a uma quarta experiência, a qual consistirá num pequeno mono-pilar. Isto porque o método, além de economicamente sustentável, gera igualmente menos poluição sonora, o que torna o trabalho mais rápido e ágil, e não tão dependente das condições atmosféricas.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

De momento não existem próximos eventos.

«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill