Os Emirados Árabes Unidos projectam uma “tubo” submarino que permitirá o transporte mercadorias e passageiros entre o Golfo Pérsico e a Índia
Porto de Kiel
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Com o objectivo de melhorar o comércio bilateral entre as duas nações, o National Advisor Bureau dos Emirados Árabes Unidos (EAU) propôs um projecto futurista para a construção de uma conexão ferroviária submarina para a Índia. O Projeto Túnel Submarino da Fujeira-Bombaim (Fujairah-Mumbai Subsea Tunnel Project), envolveria uma ferrovia submarina de alta velocidade, segundo o Maritime Executive.

 

Os principais benefícios esperados do projecto são o transporte de mercadorias, passageiros (nomeadamente turistas e trabalhadores) entre os EAU e outros países do Golfo e da Índia, e exportações de petróleo e gás através de um oleoduto, ou mesmo importação de água.

 

Planos futuros podem também incluir a construção de uma estrada dentro do túnel flutuante para o transporte de carros e camiões, além de um hotel flutuante, centros comerciais e postos de combustível no meio do Mar da Arábia.

 

Em concreto, o projecto consistiria em dois tubos curvos, submersos abaixo da superfície do mar que seriam estabilizados ao serem fixados em pontões na superfície do mar ou por correntes verticais no fundo do mar. Que permitiriam uma velocidade prevista dos comboios de 600 a 1.000 km/h; e uma distância de 1.826 quilómetros (1.135 milhas) entre Bombaim e Fujeira que poderia ser percorrida em menos de quatro horas, enquanto a distância entre o porto de Gwadar e Fujeira poderia ser coberta numa hora.

 

Note-se que a expansão futura pode incluir a Iniciativa One Belt One Road da China, que liga o Corredor Económico China-Paquistão no Porto de Gwadar com os EAU (e outros países do Golfo) através do porto de Fujeira para complementar a nova rota da seda chinesa. As futuras estações do comboio poderiam incluir a cidade portuária de Carachi, no Paquistão, e Muscat, a capital de Omã.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximos eventos

  1. Selvagens Ilhas Afortunadas

    Junho 6
«Foi Portugal que deu ao Mar a dimensão que tem hoje.»
António E. Cançado
«Num sentimento de febre de ser para além doutro Oceano»
Fernando Pessoa
Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto.
Vergílio Ferreira
Só a alma sabe falar com o mar
Fiama Hasse Pais Brandão
Há mar e mar, há ir e voltar ... e é exactamente no voltar que está o génio.
Paráfrase a Alexandre O’Neill